Como o resultado da eleição dos Estados Unidos pode impactar o Brasil e a região?

Oct 6th 2016 | Americas

Octávio de Barros, Economista-Chefe e Diretor do Departamento de Pesquisas e Estudos Econômicos do Banco Bradesco compartilha seus pontos de vista

As eleições americanas permanecem equilibradas e as implicações para a região dependem de quem vence os votos. Se o candidato do Partido Democrata for vitorioso, as propostas apresentadas até o momento indicam que a agenda econômica não vai ser muito diferente do que as do presidente Barack Obama. Poderá haver alguma revisão marginal dos termos do NAFTA, mas estes não terão quaisquer implicações gerais para a região.

Em especial, as propostas para cancelar o NAFTA e fazer grandes aumentos das tarifas de importação para alguns produtos manufaturados poderia ter um grande impacto sobre a economia mexicana. Vale a pena notar que 80% das exportações mexicanas vão para os Estados Unidos. Isso destaca a dimensão dos efeitos que as medidas propostas poderiam ter sobre o México.

As tarifas mais altas podem afetar a economia chinesa e isso poderia, como um efeito secundário, ser um empecilho para o crescimento das exportações de alguns países da região que são altamente dependentes das importações chinesas. Além das medidas de comércio direto, há uma série de incertezas relacionadas com a consistência das medidas económicas apresentadas pelos republicanos, com grandes déficits fiscais em potencial que poderia resultar das propostas para um grande aumento nos gastos com infra-estrutura e quedas acentuadas na taxa de impostos.

Esta incerteza econômica poderia criar volatilidade e uma redução no crescimento global a curto prazo, com efeitos sobre o comércio global e as exportações em toda as regiões. Qualquer desaceleração no crescimento mundial em resposta ao aumento das incertezas econômicas nos Estados Unidos seria, portanto, um maior canal de contágio para os países da região.

Participe do princial evento sobre tesouraria internacional no Brasil onde Octávio de Barros vai falar sobre as perspectivas para a economia mundial, os fatores internos e externos que terão impacto sobre o futuro do Brasil e também dar o seu ponto de vista sobre as possíveis consequências das eleições nos EUA, onde estão as melhores oportunidades na região, e principalmente, o que tudo isso significa para as tesourarias.

10ª conferencia sobre

Gerenciamento Internacional de Tesouraria, Caixa e Riscos para Empresas no Brasil

8 e 9 de novembro em São Paulo
www.eurofinance.com/brasil

Em apenas dois dias você vai ouvir respostas para todas as questões mais desafiadoras que os tesoureiros estão enfrentando hoje.

  • Casos de estudo dos tesoureiros da AstraZeneca, Cosan, Netflix, Facebook e outras importantes empresas
  • Como compreender os riscos e as interações da volatilidade cambial.
  • As últimas tendências e as tecnologias do futuro que revolucionarão a gestão de tesouraria.
  • Como estruturar as operações legais e fiscalmente eficientes.
  • Como encontrar soluções eficientes de financiamento.
  • Sessões sobre FinTech, conformidade, segurança cibernética, liquidez e muito mais.

Mais! Curso sobre Fluxo de caixa no dia 7 de novembro

> Visite nosso site

> Veja o programa completo aqui!

MENU